silva cravo arquitectos

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

O edifício dos Antigos Banhos de S.Paulo apresenta-se como um modesto exemplar de arquitectura neo-clássica definindo o ângulo entre Rua da Ribeira Nova e a Travessa do Carvalho. O projecto parte, então, da leitura e entendimento dos elementos de maior valor e intenção arquitéctonica do conjunto preexistente, como a fachada original, na sua expressão e relação com a envolvente próxima. Estabelece-se como estratégia a criação de um edifício cujos únicos elementos de fachada são os preexistentes em confronto com a via pública. A intervenção principal do projecto reside, então, na criação unicamente de uma cobertura que encerra programa e define espaço. Esta cobertura, de uma só água, baseia-se numa intenção que procura enfatizar uma relação de complementaridade entre ambos. Um plano inclinado que permite que a luz alcance o logradouro e os espaços interiores do edifício sede, ao mesmo tempo que cria um preponderante enfiamento visual entre os dois. Deste percurso, resultante do vazio entre os dois edifícios, desenvolve-se o sistema de circulação do edifício. O entendimento do programa proposto consiste numa segregação inequívoca entre dois tipos de programas: o público e o privado. No piso térreo, em relação directa com os vãos de fachada preexistentes, insere-se o programa público do edifício, abrindo-o para a sua envolvente. Esta área, de planta regular, é delimitada pelos espaços servidores dos programas. Já no piso superior, um volume suspenso, de forma arquétipal em duas águas, confina o programa privado destinado ao usufruto da sede da OA: três salas sequênciais definem um só espaço contínuo e longitudinal. O restante espaço interior é marcado pelos vazios intersticiais que residem entre estas três entidades, volume suspenso, cobertura e edifício preexistente.


The "Antigos Banhos de S.Paulo" is a modest example of neo-classical architecture defining the angle between Rua da Ribeira Nova and Travessa do Carvalho.The project starts, then, from the reading and understanding of the elements of greater value and architectonic intention of the preexisting set, as the original facade, in its expression and relationship with the close surroundings. The strategy is to create a building where the only facade elements are the pre-existing ones in relation to the public road. The main intervention of the project resides, then, in the creation of only one roof that encloses program and defines space. This roof, of only one water, is based on an intention that aims to emphasize a relationship of complementarity between them. An inclined plane allowing the light to reach the patio and the interior spaces of the main building, at the same time creating a preponderant visual link between the two.From this path, resulting from the void between the two buildings, is developed the exterior system of circulation of the building. The program is an unequivocal division between two types of space : public and private. On the ground floor, in direct relation with the pre-existing façade openings, is inserted the public space of the building, opening it to its surroundings. This area, with a regular floor plan, is delimited by the program server spaces. On the upper floor, a suspended volume, archetypal in shape in two waters, confines the private program for the needs of OA's headquarters: three sequential rooms define a single continuous and longitudinal space. The remaining interior space is marked by interstitial voids that reside between these three entities: suspended volume, roof and pre-existing building.

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa

ampliação da sede da ordem dos arquitectos . lisboa